traubeck-arquitetura-sustentavel-capa

Ouça a música encontrada nos anéis de uma árvore

Músico utiliza algorítimos para extrair música dos anéis de uma árvore. O resultado foi um álbum incrível.


Para saber a idade de uma árvore, os pesquisadores observam seus anéis.
Cada círculo é chamado de anel de crescimento e corresponde a um ano de vida da árvore. Estudando esses anéis de crescimento se pode descobrir a idade e o quanto a árvore cresceu a cada ano, além de condições ambientais e períodos de mais chuva. Mas, as árvores têm ainda mais coisas para nos mostrar. Como música por exemplo.

O músico alemão Bartholomäus Traubeck desenvolveu um equipamento capaz de extrair o som desses anéis. Através de um algoritmo que transforma as informações dos círculos em notas de piano, foi possível “traduzir” a música existente no tronco da árvore. Utilizando um equipamento similar a um toca-discos, o disco da árvore é girado para emitir os sons.

O equipamento utiliza o princípio do toca-discos mas possui um funcionamento diferente. Enquanto a agulha do aparelho que utilizamos lê os sulcos de um disco de vinil, o equipamento desenvolvido por Traubeck possui sensores que interpretam informações sobre textura e cor e transformam essas informações em notas de piano. Como cada árvore possui características únicas em seu tronco, cada uma possui uma música específica, apenas sua.

O músico captou músicas de diversos tipos de árvores e gravou um álbum chamado de “Years”(anos, em português). Pinheiros, carvalhos, bordos, nogueiras, armeiros, freixos e faias são as espécies que podem ser “ouvidas” no álbum.

Você pode ouvir o álbum “Years” abaixo.

Compartilhar

Comentários (68)

  1. Francco

    Achei meio triste

    1. Alice Lino Elon

      Também achei triste, deve ser porque essa música só pode ser captada de uma árvore morta.

    2. Jaquie Livino

      Deve ser porque o cara programou para tocar notas da escala menor, cuja sonoridade é meio triste mesmo. Mas eu achei que combinou bastante com a vibe desse projeto.

      1. caldas

        Exactamente. É como achar que os filmes do Kurosawa são lentos. Questão plástica!

    3. Miguel Santos

      Qual e a arvore que nao esta triste ao ver o que nos humanos …destruímos.

    4. Veríssimo Ramos

      As árvores não têm razão para grandes alegrias!

  2. Roberto Diwoumy

    Elas estão glorificando Deus. Como diz nos salmos

    1. Violêncio Campestre

      Pois já eu acho elas estão a manifestar um canto de êxtase tantrico como reacção ao poder orgasmicamente mecânico da moto-serra que as f*odeu até elas ficarem de rastos… Até a morte.

      Feliz natal! 😀

  3. Renato

    parece uma criança brincando de tocar piano pela primeira vez…

    1. Lorenna

      Essa criança tem futuro brilhante! Kkkkk

    2. Debora Bitar

      Amei! E pensar que cada uma tem sua própria música…💞

  4. Valdirene Estanagel

    Bonito…talvez um lamento pelo que os humanos fazem com os elementos da natureza.

  5. Alberto Nascimento

    Concordo com a opinião do Roberto Diwoumy.

  6. Washington Lp

    Muito interessante ! parabéns !!!

  7. Israel Lima

    Acho que é uma playlist da árvore dos melhores hits no decorrer dos anos dela kkkkk

  8. Rosane mello

    Mundos outros…

  9. Felipe Rambo Mallmann

    Sou tecladista, e achei muito criativo a atitude do alemão Bartholomäus Traubeck, inclusive também sou Alemão.

  10. Solange Frgnani

    Parece um pedido de socorro.

  11. Nirvan Giacomini

    Achei bárbara a idéia e a pesquisa, tanto como o resultado. Quando ouço vejo imagens de brotos e folhas em rebentação se projetando e expandindo-se. Parabéns e continue em sua pesquisa !

  12. Adriano da Silva

    Israel Lima, melhor opinião até agora!

  13. Nadina Dagues Sanches

    Penso que está árvore glorifica a Deus pela criação e ao mesmo tempo em meio a toda destruição florestal ela agonisa e lamenta lançando seu pedido de socorro para nossa humanidade tão desumana, e isso é muito triste, pois não ouvimos gritos e lamentos tanto das florestas quanto dos animais que nela habitá.

    1. Anubis

      Cara, guarda teu deus pra você!

  14. Hercilia Scueler

    Tocou muito a minha sencibilidade !Deus presente !

  15. Emanoel Girardeli

    Quem sabe seja o grito da dor em meio ao fogo ou ao corte da motosserra

  16. Crisa Santos

    Triste??? Emocionante! Na natureza apresenta-se ciclos! Menos galera!

    1. jaquie livino

      Exatamente!
      A gente ta muito preso nessa ideia de tristeza.

    2. Cleia

      Emocionante, profundo! Estamos mal acostumados com superficialidades e chamamos isso de alegria…

  17. vanda

    Lindo demais. Presença de Deus!!!

    1. Anubis

      Não. É uma árvore.

      Personagens folclóricos não têm nada a ver com isso.

  18. Regina

    Maravilhoso!! Que descoberta genial!

  19. Vera Matos

    Triste, um lamento

  20. marcos paulo

    da morte ao nascimento …
    deveria tocar de trás para frente;
    parece que no começo tem ate um agito ai vai ficando mais calmo .

  21. Leonardo Xelis

    Gente onde faço o download dessas músicas? Simplesmente magnífico 👏

  22. Daniel Fernandes Junior

    Me lembrou Nárnia e a forma como foi criada!

  23. Mauro Soares

    Não sei nada de musica.Não tenho recursos para opinar sobre técnica.Já quanta a iniciativa é genial.E se compararmos com alguns sucessos que a mídia produz pelo mundo,eu escolho ouvir a natureza com certeza.

  24. Elias

    Gente imagina,o poder dessa descoberta! É simples elas estão apelando pela vida dos humanos.

  25. Berg

    Parece eu tocando piano

  26. Maria Medeiros

    Pena q todas essas árvores foram cortadas.
    Muito triste, nem consigo ouvir.
    : (

  27. Jose Nilton Matos

    Li que estes círculos concêntricos do tronco,podem determinar a idade de uma árvore,as condições do tempo,luz,raios ultra violetas,as intempéries,períodos de muita chuva ,períodos de seca,sismos, doenças e todas as alterações que o meio físico interferiu em suas vidas.Um carvalho pode durar de 500 a 1000 anos.Soube a pouco de uma oliveira que tem o nome de “Portugal” cuja idade foi estimada em 2850 anos e, ainda está dando frutos.Como se trata de um ser vivo tem sua própria identidade.Tem o DNA de sua espécie e, de sua ancestralidade.Tem possíveis mutações que poderia ter sofrido em seu DNA.O HEME de nossa hemoglobina tem o mesmo anel químico da clorofila com diferença do Ferro na hemoglobina e magnésio na clorofila.Acredito que árvores da mesma espécie, hão de produzir sons diferentes dependendo do meio e época em que viveram.De qualquer forma achei isto fantástico e imagino o que toda a floresta amazônica pode produzir em milhares de arranjos orquestrais.dentre todas minhas dúvidas uma tenho certeza:-Deus é o Grande regente desta orquestração.

  28. Hans J. Kleine

    Porque a maioria acha que tem obrigação de elogiar esta brincadeira tecnológica? De arte não tem nada, nem emociona, nem deslumbra.

  29. Joséé

    Que viagem, pra acreditar nisso fumar só uma nao da liga….

  30. silvioasdas@hotmail.com

    pelo menos ela nao toca funk

  31. Filipe Marcel Vargas

    Uma obra de arte tecnológica, com certeza, nada além disso. Sem qualquer efeito prático, apensa contemplação e impressões.

  32. José Alberto.

    É , a isto se chama Divina presença, Deus em tudo!

  33. Getulio

    É meio estranho, o braço do leitor(sistema que lê “agulha”) não se movimenta lateralmente de acordo com o deslocamento de cada anel já que a leitura é feita longitudinalmente.

  34. JOMAR J.P.ANDRÉ

    genial , a natureza vibra de alguma forma , tem vida , quer nos dizer algo e a tradução deve ser: ME RESPEITE , ME AME , FAÇO PARTE DA CRIAÇÃO , SOMOS TODOS IRMÃOS, NECESSITAMOS UNS DOS OUTROS NA CIRANDA DA VIDA………

  35. Giselda Rodrigues Vasconcelos

    Muito bom. Às vezes ouço cítara, outra violão, piano, … muito bom mesmo.

  36. marisa

    Será q a tecnología conseguirá um dia decifrar os segredos nestes acordes ? Por enquanto só conjecturas. Acho q primeiro precisamos nos decodificar e saber quem somos, de onde viemos e p onde vamos ???

  37. marisa leite

    Será q a tecnología conseguirá um dia decifrar os segredos nestes acordes ? Por enquanto só conjecturar. Acho q primeiro precisamos nos decodificar e saber quem somos, de onde viemos e p onde vamos ???

  38. Ettore

    na real, parece q o cara botou uma lanterna no “disco” e tocou o piano aleatoriamente.

  39. carla almeida

    Aponta para um tempo largo.Bonito. Imagine-se uma floresta!

  40. Cláudia

    Elas devem capturar coisas ao longo do tempo de suas existências, que os humanos nunca entenderão…
    Nossa…que incrível!

  41. Thais

    Achei incrivelmente lindo!

  42. André

    Vou serrar a coxa de vocês e ver que música sai…

  43. Vidigal Edgar

    Som de um piano e órgão fala sério e o povo acredita ainda.

  44. eliane crivellari

    De fato,como já foi dito aí anteriormente,parece um lamento.

  45. ricardof.

    isso é só efeito de curiosidade…………..Nada haver alguns comentários que postam que a arvore está glorificando Deus ou a melodia é triste pq ela está triste.rsrsr essas ondulação são estágios da vida da planta onde é uma espécie de ralatório anual do seu habitat mudanças climáticas periodos de estigem, inundações ph do solo e etc…….. parem de falar bobagens kkkkkkkkkkkkkkkkk

  46. Debora

    Como ele descobriu isso?

  47. jamadeu

    Falta mais nada pra inventarem não!!! povo idiota que ficam a tentar confundir os outros com ideias fajutas. Vão pesquisar algo que tenha fundamento.

  48. peter free

    Achei sensacional, conteúdo para uma profunda reflexão existencial

  49. Carolina

    Uau..achei simplesmente lindo! Suas vozes são lindas! Grandes seres, moradoras antigas e q se alimentam da terra, sua energia e tudo ao redor! Como Deus é maravilhoso!! Procurem os sons do universo no YouTube.. fantástico tb!!

  50. Renan Lima

    É bonito, pra ouvir por alguns minutos. Mas imagino que, a não ser que seja pra criar um “fundo” em que não se preste atenção à música, deve ficar enjoativo. A ideia é legal por associar a figura da árvore, pela qual a maioria de nós tem respeito, com um som. Mas a música, pelo que entendi, a estrutura da árvore se torna basicamente um gerador de eventos aleatórios. Assim como é a textura da madeira, podia ser a luz das estrelas, o fluir do vento, a vibração de um átomo ou as rugosidades de um asfalto. O tom de tristeza existe mais porque o artista quis dar uma sensação triste do que de qualquer tristeza intrínseca ao vegetal.

  51. marisa

    Lamento …..do que se foi,triste e magnifico.

Deixe sua opinião